No More Pain

(forever, by xpetqa, deviantart.com)


Tu que choras por mim à noite, mergulhando numa espécie de embriaguez que te faz gritar o meu nome de uma forma irracional, quase insana: eleva-te desse estado melancólico que mais não faz senão consumir-te lentamente, transformando (o amor) numa espécie de prisão mental da qual ninguém, senão tu própria, te poderá libertar... Sabes que me tens e é uma questão de tempo até as coisas se resolverem por forma a permitir a tão desejada proximidade física das nossas existências, que cada vez mais se aprontam a fundir-se numa só...

E também para ti, que acordas de madrugada para escrever para mim, julgando ser essa uma forma de estares mais próxima deste que aqui te escreve: a forma inesperada como apareceste na minha vida, e em tão pouco tempo a transformaste (de uma forma impensável), é dádiva por demais grandiosa - a retribuição, espero, traduzir-se-à na realização de todos os teus sonhos, por forma a compensar-te devidamente pelo bem que me fizeste... E fazes.

1 comentário:

kika disse...

Vim, por curiosidade, ver se tinhas escrito algo mais...porque fiquei viciada naquilo que me escreves...
A forma que encontro para estar mais proxima de ti não se traduz somente na escrita, mas nos meus pensamentos...nos meus sentimentos que se revelam agora tão reais que parecem saltar de dentro de mim. Choro....já há muito que não o fazia por ninguém, não por tristeza mas por querer que estejas aqui e penso que se o fizer talvez alivie uma certa pressão que existe dentro de mim, porque tenho tanta coisa agora na minha vida...e tenho-te a ti...sou humana, aguento muita coisa, mas às vezes tenho que me ver livre de tudo o que sinto para poder sentir mais...é verdade que o meu amor por ti não sai com as lágrimas que caem...fica mais forte se assim o quiseres.

Esta saudade que tenho de ti, adicionada à vontade que tenho de estar contigo, de te amar como só tu sabes e de ser amada por ti é grande....se chamo o teu nome inconscientemente é porque também entras-te em mim de uma maneira especial e me deixas-te aberta para ti.

tenho consciência de que se calhar mudei a tua vida...mas tu mudas-te a minha também, dádivas? não quero muitas só continuar o meu caminho contigo ali...ao meu lado...e ter a certeza que não me deixas, dar-te aquilo que mereces e que cresce em mim só para ti.

Kero-te ao pé de mim